18 de mar de 2009

Amante cachorra


Todas as manhãs, assim que acordo, num gesto que até chamaria de automático, levo a mão ao meu rádio de cabeceira, que já está sintonizado na CBN, ligo-o e fico ouvindo o Heródoto Barbeiro. Adoro as piadinhas sobre futebol que ele, corinthiano roxo, faz com as repórteres de rua, adoro as crônicas do Sardemberg, Mauro Halfeld, Juca Kfouri e Arnaldo Jabor, entre outros. Minha vontade seria ouvir o programa inteiro, mas não dá, então fico ouvindo até chegar a previsão do tempo, afinal dependo dessa informação para escolher minha roupa... Às vezes penso ser uma desculpa que dou a mim mesma para poder fazer mais um pouquinho de hora na cama (quantas vezes torço para a moça do tempo atrasar-se...rs) E, enquanto espero, vou ouvindo o programa, meio acordada, meio dormindo ...


Estava eu hoje num desses momentos quando percebi que Jabor falava sobre políticos ladrões. Eu devia estar ressonando no início e comecei a prestar a atenção quando ele começou a dizer algo sobre: “ ... ladrões bem sucedidos ... orgulho da cafajestice ... todos arranjam amantes cachorras ... de correntinha no tornozelo ... Êpa! Correntinha no tornozelo? Acordei. Ouvi o restante da crônica, mas havia perdido o fio da meada. Porém, a “amante cachorra de correntinha no tornozelo” ficou. Levantei minha perna e olhei. Ela estava lá. Dourada com um pequeno pingente brilhante. Sorri. Eu ... tornozeleira... amante cachorra ... rs. Será? Será que realmente é isso que podem pensar de uma mulher que usa um enfeite no tornozelo?... Lembrei-me de uma amiga, cujo marido não a deixava usar esse adereço. Tomara que ele não tenha ouvido o programa, pensei. Mas, o que significa uma amante cachorra, perguntei-me. Uma ofensa ou um elogio..? Poderia ser uma coisa ou outra, depende... (preferi considerar um elogio...rs)

Mas o tempo era curto e eu precisava ir para o trabalho. A moça do tempo avisou que iria chover à tarde. Vesti-me e olhei novamente para meu tornozelo. Deveria tirar a correntinha? Sim ou não? ... Sim, devia tirá-la e foi o que fiz.

Era dourada e não combinava com a roupa de hoje. Tirei, guardei, peguei a prateada, coloquei no meu tornozelo e saí para o trabalho fantasiada de amante cachorra... rs.
Sueli Benko

9 comentários:

Ana Luiza F. disse...

E eu adoro essa "amante cachorra", viu? Com adereço ou sem...rs! Querida, estou voltando com um micro emprestado e sem muitos recursos. Mas, de volta e é isso que importa. Beijo enorme e "aquele abraço"!!!

RICARDO BLAUTH disse...

alo SUELI

TEXTOS SINCEROS
É ALIMENTO
É O QUE FORMA
SEGUIDORES
como sou

alegria DE ESCREVER
E SER LIDA
COM PRAZER

Cris disse...

Fantástico, Sueli! Esse adjetivo foi um dos melhores elogios femininos que eu já ouvi...rs

Aninha disse...

Amante cachorra?!! kkkkkk. Só Arnaldo Jabor mesmo...
Querida estou passando pra dizer que voltei a ativa.. hehehe.. E também pra dizer que estava morrendo de saudades.
Beijo bem grandão no coração. Verei se consigo ligar pra você no final de semana.

Angela Maria disse...

Olá!

Obrigada pela visita tão simpática! :)

Bem... o que importa é nos sentirmos bem com o que sentimos, pensamos e fazemos!

A opinião dos outros não passa de uma opinião sobre eles mesmos! :)

Aliás, um pulseirinha no tornozelo fica muito linda! E sexy!! :)

Beijinhos

Claudia Balsabino disse...

Ah não!! Mas era só o que me faltava na vida?! Rs!!
Mãe, só você mesmo!!
Gargalhadas!!
Um beijo!!

Ana Luiza F. disse...

Feliz dia do Blogueiro, amiga-irmã-comadre! Sobre o assunto, eu poderia ficar falando aqui até esgotar todas as letrinhas... aqui, onde tudo começou e onde eu venho agradecer todo santo dia. Mas... hoje a gente bebe, faz tim-tim e pede mais uma. Vamos deixar os discursos pra mais tarde... quem sabe em junho, né? Bjs e abraços

Bia disse...

Parabéns pelo texto e pela atitude!!

Silvana Costa disse...

FAAAAANTÁÁÁÁÁSTICO!!!!!!!!!!!!!!
Estou impressionada com a sua narrativa. Na verdade, o final dela.
Quando vi, no facebook o título, pensei logo em fazer um poema ou poesia para o título, que gostei.
Ao terminar de ler, exclamei em voz alta o que escrevi acima: faaaantáááástico!!!!
Parabéns!!!! Sou muito sua fã, sempre.
Só preciso lembrar de visitar seu blog e ter momentos como este, rs.
Beijos.
Silvana Costa