11 de dez de 2008

Palavras ...

............................................................


Poemas, versos, crônicas e poesias. Muitas, pelo teor, após o show, em baús trancados se escondiam. Quantos escritos guardados, quanta paixão declarada, quanta saudade sentida, quantas noites mal dormidas.

Fecho meus olhos, chamo pela inspiração, e tudo fica nebuloso. Nada me vem à mente. Apenas a lembrança de outrora, quando as palavras, vindas de dentro do meu coração, em rota direta debulhavam-se sozinhas em minha imaginação, sem ao menos precisar buscá-las. Chegavam tais quais surfistas, rodopiando em minhas lágrimas. Sim, elas vinham e, em cadência perfeita, falavam do meu amor, da minha vida, da minha dor. Escorregavam pela pena de minha caneta e ao som da toada que de algum lugar chegava, num compasso perfeito, alinhavam-se e, para meu próprio espanto, com a simetria própria dos poetas e trovadores, declaravam no papel, tudo que se escondia em minha alma. E por ser tudo tão triste, as próprias palavras choravam. Por tantas vezes, rubras palavras se encadeavam, como se de sangue fossem as lágrimas.

E hoje? Onde estão elas? Há papel, lápis, tempo, desejo, fundo musical e até mesmo sorriso nos lábios. Há paz e paixão saciada. Se hoje elas viessem, falariam de amor e de felicidade. Falariam de aprendizado, de luz, de sono tranqüilo e de cumplicidade.

Em vão, fecho os olhos, penso e imploro a alguém que me conte. E, aos poucos, formas vão se clareando e, num piscar de olhos, tudo me chega, tudo se explica... Não sei se me alegro ou se mais triste fico, pois aqui estou para escrever ao meu amor. Mas este meu coração, fiel companheiro e, por vezes, tão traidor, cresceu sofrendo e não sabe falar do amor sem dor.

Sueli Benko
........

20 comentários:

Majoli disse...

Sueli, seu texto mexeu muito comigo.
Sabe, eu rabisco versos colocando pra fora sentimentos, momentos.
Mas nesses 3 últimos meses a inspiração sumiu, evaporou.
Ontem a noite ela me veio de forma marcante e rabisquei um acróstico pro Artur.
Foi o que você leu lá no meu blog, não destaquei as iniciais, acho que por medo, sei lá.
Mas eu também não consigo falar de amor sem uma pitadinha de dor.
Beijos.

Analu disse...

E o Clube da Luluzinha, se junta...e cresce... com a graça de Deus!!! Amei ver a Majoli aqui. Amei te ver lá. Sei que já falamos sobre isso mas não canso de repetir... é lindo ser o elo que une essa corrente e se esse é o meu papel, não quero sair do palco nem morta!!!!! Agora o texto... como sempre, perfeito. Até quando fogem as palavras, até quando a pena não sabe o que escrever... ainda assim o texto é belo. Amiga, tb já falamos sobre isso muitas vezes: há pessoas, que levam a vida na boa. Não sofrem e se o sofrimento acontece, ele tem o prazo de validade curtinho. Há outras (e estamos inclusas nesse perfil), que teimam em rimar amor e dor. Porém pra nossa felicidade, quando a gente ama, tb rima com sabor, cor, ardor... e até escritor, pq não? E sempre lembrando Rubem Alves... faça pérolas, amore! Bjão

Claudia Balsabino disse...

Mãe, não precisa mais sentir a minha falta, vc chama e eu venho correndo..., rs!! Vc escreve divinamente bem e já te falei que sempre que preciso de um colo venho aqui no seu blog, pois sempre encontro. Um beijo, te amo!!

Passeante disse...

Olá! Vim conhecer teu blog e agradecer a visita ao Parque. Como você deve ter percebido, está meio abandonado rs. Estou criando coragem pra deixar a preguiça de lado e dar uma arrumadinha lá.
Gostei dos textos e passarei por aqui mais vezes, pra ler com calma.
Bom final de semana pra você!

maria claudete disse...

"Não sei falar de amor sem dor", perfeito Su, é isto mesmo não existe amor sem sofrer, é um caminho percorrido em todas as situações da nossa vida. Beijão
Clau.

Majoli disse...

Vim te desejar um bom domingo Sueli.
Beijos no coração.

Patricia Alessandra disse...

Porque o amor é entrega e nem sempre as duas partes a fazem de corpo e alma. Quem sofre? Quem se entrega, quem ama verdadeiramente. Lindas e sábias palavras amiga. Bjs, Pati.

Analu disse...

Amiga, te vi no Parque hoje pela manhã... por que não te vi no Bar...? Recebeu meu e-mail? Bj

Analu disse...

Amiga, só pra dizer que recebi o e-mail viu? Brigadinha... o cartão tá lindo. Vou colocar o meu na semana que vem. E post, tem não? Obrigada, pro me ouvir hj viu? Não deixe de me avisar o dia certinho... vou te esperar porque não perco por nada aquele abraço de aeroporto, de novo!!!!!!!! Bjãozão

Kall disse...

Flor adoreiiiiiiii o cartão de natal viu..ta lindona.
Ah memorias papies que ficam escondidos e que qdo reaparecem nos fazem surtar de emoção...sou assim escrevo guardo,ou jogo fora mas qdo pego algo volto no tempo e revivo cada min...e´complicado mas um aprendizado interessante..rs
Bjosss querida tenha uma otima semana.

JuJu disse...

Ei, Su! Por que você não me avisou sobre seu endereço novo? Só agora é que eu descobri...
Belo post esse! Legal!
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

Antônio J. Xavier disse...

Pior seria se vc, simplesmente, não soubesse falar do amor.
Ao menos vc tem conhecimento de causa, como poucas pessoas que conheço.
E a dor pode ser apenas uma ressalva... um parenteses em meio às palavras destinadas ao amor.

estou de volta mesmo...

bjinhos amiga.

Deco disse...

Que texto hein? Não sei nem o que dizer. Parabéns! Bjos

Ana Luiza F. disse...

Happy.... very happy birthdaY!!!!!!!!!!!! Como não tenho mais o orkut, tem que ser por aqui, mesmo. Amiga querida, hoje dois abraços de aeroporto-garagem-chegada!!! Hoje, todo o meu amor, todo o meu carinho e o desejo sincero de que teu dia seja repleto das melhores coisas desse mundo. Ser humano cheio de luz!!, carinho em forma de mulher, amiga de todas as horas, muitas e muitas e... TODAS as felicidades. Hoje e sempre. Te amo!!! Beijo enorme.

Majoli disse...

Amiga, descobri teu aniversário e vim deixar beijokas mil no teu coração.
Que Papai do Céu te cubra de bençãos, que seu caminho seja muito florido.
Feliz aniversário!!!
Parabéns.

Majoli disse...

Amiga, descobri teu aniversário e vim deixar beijokas mil no teu coração.
Que Papai do Céu te cubra de bençãos, que seu caminho seja muito florido.
Feliz aniversário!!!
Parabéns.

Majoli disse...

Amiga, descobri teu aniversário e vim deixar beijokas mil no teu coração.
Que Papai do Céu te cubra de bençãos, que seu caminho seja muito florido.
Feliz aniversário!!!
Parabéns.

Handrik disse...

Uma vez ouvi um grande poeta dizendo que ele só tinha inspiração em momentos de extrema tristeza ou de extrema felicidade... E eu acredito que seja mais ou menos assim. O nosso coração só transborda em momentos extremos. Aí as palavras vêm, ora carregadas de melancolia, ora carregadas de extrema euforia. Querida, passando para te desejar um feliz nata e um feliz ano novo. Que o próximo ano seja um ano de paz, saúde, alegria e prosperidade na tua vida. E continue escrevendo para nós. Beijos, até mais!

wholesale jewelry disse...

Very good!

炸金花 disse...

It seems a little more than I need to check the information, because I was thinking: Why does not my GLOG these things!