22 de dez de 2008

Este Natal passarei com você...

...............................................
Meus queridos, este fim de ano está muito corrido para mim e não tive tempo de preparar um post bacana para o Natal. Resolvi remexer o meu baú e encontrei este conto que escrevi e postei no outro blog, em dezembro de 2006. Sei que a maioria dos que me visitam hoje, ainda não deve tê-lo vistol. Espero que gostem.
............................................................


A noite chegava prometendo luzes e muita euforia. O Natal se aproximava; era véspera. Esgueirando-se pelas calçadas de um bairro um tanto suspeito, ela carregava numa das mãos a bolsa apertada ao peito que, arfante, escondia um coração batendo em ritmo descompassado e, na outra, um pedaço de papel amassado, com o fatídico endereço que procurava. Apesar do perigo e da situação inédita, nenhuma dúvida aflorava-lhe à mente. Após pensar e repensar até altas horas da madrugada, teve certeza absoluta de haver tomado a decisão correta. Fora difícil, mas agora não voltaria atrás. Ao avistar o casarão, aproximou-se e tocou a sineta. Uma mulher de meia idade, como se quisesse parecer mais jovem, vestindo roupa extravagante e escondendo–se atrás de uma maquiagem carregada, olhou-a com ar interrogativo, mas ela apressou-se a dizer: “Foi eu quem ligou agora há pouco”. A mulher encantou-se com sua beleza. “Por que uma moça tão fina e elegante procurar-me-ia para tais propósitos?” “Preciso de dinheiro, com urgência, para amanhã”. Notando ansiedade em sua voz e prevendo o bom lucro que aquela lindíssima jovem lhe proporcionaria, apressou-se a encaminhá-la. “Você tem sorte. Um dos nossos melhores clientes chegará em poucos minutos. Se agradá-lo, será bem recompensada.”

Na noite anterior, ela havia recebido a melhor notícia de sua vida, que viera embalada em surpresa total. O coração, aos pulos, iniciara uma dança em cadência desordenada. Sorrira e chorara ao mesmo tempo, tamanha era a emoção. Rodopiara pela sala até cair deitada sobre o roto sofá, onde fechara os olhos e fizera mil planos. Havia pouco tempo para se preparar, mas a ocasião exigia o melhor de si. Já há cinco anos, guardava-se e ansiava por aquele acontecimento. Sua mente criativa contemplou, imediatamente, em todos os detalhes, como deveria ser sua noite seguinte e tudo que deveria providenciar para concretizar o que lhe passava na mente. Faltava-lhe, porém, o principal. Não havia grana para nada. Já há muitos dias corria a cidade, em vão, à procura de um emprego. Vasculhou todos os cantos, gavetas e bolsas, mas o que encontrou foram apenas alguns míseros centavos. Havia tanto a ser preparado e tantas compras a providenciar, inclusive aquele vinho caríssimo do qual ele tanto gostava. Seu amado, aquele para quem se guardara já há tantos anos lhe escrevera, anunciando a volta. Aquele a quem amava com todas as forças de seu ser e a quem houvera dedicado todos os seus sonhos, pensamentos e suspiros nos últimos anos, cumpria finalmente a promessa. Há muito não recebia notícias e agora, acabara de ler a mensagem naquele telegrama: “Volto 24 à noite. Espere-me querida. Este Natal passarei com você”. Nada mais escrevera, além disso, nem ao menos se desta vez viria para ficar ou se a noite seria única. Mas, ela estava convicta: custasse o que custasse, tudo seria perfeito e este seria o melhor Natal e a melhor noite da vida deles, mesmo que no dia seguinte ele se fosse para sempre ...

Sueli Benko

........

10 comentários:

Cris disse...

É, Sueli...A gente vive pagando e os prêços nem sempre são suaves, amiga. Mas eu espero à cada dia que amanhece que o sol brilhe. Se houver nuvens no céu, eu tento acreditar que por trás delas, há de haver claridade suficiente pra iluminar o mundo. E à mim...rs. À nós! Eu brindo com você prá que tenhamos todos um Natal cheinho das melhores energias e dos mais nobres sentimentos e pelo a Deus que cada abraço que você receba, esteja repleto de boas influências e carinho. Daquele verdadeiro...Sendo assim, sinta-se abraçada por mim, amiga. Eu te desejo, com toda a minha sinceridade, um Feliz Natal extensivo à todos os que você ama.

Majoli disse...

Sueli, li, reli, e pôxa, fico pensando o quanto já "paguei" por esse amor que tenho cá dentro de mim.
Se valeu a pena? Não sei te responder, mas sinto que faria tudo de novo mais ainda pra pelo menos tentar ser feliz.
Bem minha querida, há pouco tempo nos falamos, mas sinto carinho por ti, pois ao te ler, consigo ver um pouco de sua alma, então quero te desejar um Natal de muita paz, de muita luz.
Que em 2009 nossa amizade se concretize cada vez mais e que seus sonhos se tornem realidade, que seus desejos se concretizem.
Feliz Natal e Próspero Ano Novo!!
Beijos no coração.

Kall disse...

Essa época ficamos muito emocionados ne e eu to assim rs
E mais estou agradecendo a Deus pelas pessoas que ele me mandou p acrescentar carinho,amor e amizade ..e sem sombra de duvidas vc foi um desses presentes.
Por isso no balanço geral to muito feliz e grata pelo ano de 2008.
Por isso de coração venho desejar a vc um natal abençoado repleto de paz,amor e alegrias e que o nascimento do nosso Senhor venha recheado de realizações p vc.
To tirando uns diazinhos de folga mas volto p brindar o ano novo com vc..rs
Feliz Natal querida.Bjo imenso.

JuJu disse...

Você tinha mesmo que tirar esse conto do armário, minha caríssima Su. Uma obra-prima dessas não podia ficar escondida nalgum canto empoeirado de um blog, nada como um "Vale a pena ver de novo".
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

João Videira Santos disse...

Agradeço que tenha voado até às palavras onde dou luz aos sentimentos.

No meu obrigado, um desejo sincero e perfumado de...tudo de bom para 2009!

Beijo

Nilson Barcelli disse...

Cara amiga, acho que ainda não a tinha visitado neste blogue, do qual gostei muito.
Espero que o seu Natal tenha sido bom. Tenha um excelente 2009.
Beijinhos.

maria claudete disse...

querida Su, lindo conto e como disse Juliana, "valeu a pena ver de novo" aqui com as pompas que a data exige. Que seu Natal tenha sido iluminado. Um grande beijo neste coração lindo, Clau

. αline αmαrαl disse...

Adorei o conto. Espero um dia ter inspiração para escrever um também! hehehe
Feliz Natal atrasado e um ótimo ano novo!
beijo

fashion jewelry disse...

Very good!

二八杠扑克棋牌游戏中心 disse...

Read your article, if I just would say: very good, it is somewhat insufficient, but I am

still tempted to say: really good!
Personalized Signature:面对面视频游戏,本地棋牌游戏,本地方言玩游戏,打麻将,玩掼蛋,斗地主,炸金花,玩梭哈