19 de jul de 2013

Houve um tempo...


Houve um tempo em que eu precisava de uma companhia 
para degustar meu vinho, 
para ir ao cinema, 
para ser feliz.

Houve um tempo que eu ainda não me conhecia...

Houve um tempo em que eu precisava 
de outras(s) pessoa(s) em minha vida. 
Tinha medo dos dias e das noites sem alguém ao meu lado ...

Sim... houve um tempo em que eu não sabia 
como era sensacional 
a minha própria companhia.

(Sueli Benko)
...


3 comentários:

ricardo garopaba blauth disse...

alo AMIGA

que bom
te saber assim

também eu
já estou voando
por minhas
próprias asas

abraço e beijo fraterno

Juliêta Barbosa disse...

Uma taça de vinho e nós vamos sorvendo a vida em pequenos goles... Nunca mais a dor do silêncio e da ausência a assombrar os nossos dias, pois amar o outro sem ser amado é se ir morrendo pela vida afora...Bjs

Claudete disse...

quando nos sentimos felizes por sermos o que somos e tomamos a consciência da pluralidade que nos cerva independente do momento singular que vivemos, com certeza amiga estamos caminhando com passos adiante bem maiores que os que costumávamos dar para trás na mesma proporção. Queiramos ou não pensar sobre isto, mas a trajetória é para Deus. Bjs no coração Su.