10 de ago de 2013

Houve um tempo...


Houve um tempo em que eu te chamava todos os dias
... implorava tua presença,
... não te deixava ir embora.

Houve um tempo em que me fazias perder o sono
... perder as horas.
... perder a cabeça.

Houve um tempo em que eu largava tudo por ti.
... compromissos,
... descanso,
tudo, enfim.

Sim... houve esse tempo.

Hoje, apenas te amo.

...

2 comentários:

ONG ALERTA disse...

Sempre tem seu tempo...
Beijo Lisette.

Claudete disse...

amar é isto aí amiga , sem esperar , mas alimentar a esperança , esta sim nos move no processo de sonhar enquanto o tempo certo não chega. Beijão.