31 de out de 2010

Um conto em homenagem ao "Dia das Bruxas"

O “caldeirão” da Bruxa




Ela se preparara para receber seu presente. Aquele que ela mesma se daria. E seria no seu dia: o dia das Bruxas.


Recordou com afinco todas as mágicas que aprendera no decorrer de suas muitas vidas. Foi para as matas recolher todos os elementos que precisava para fazer sua “poção”. Consultou todos os oráculos. Pediu conselhos à “lua” e também ouviu o “mar” (lembrou-se da primeira vez que o desejou...). Colheu a mais rara flor e de seu extrato fez o perfume mais sensual que existe. Pediu ao vento que levasse até o homem que amava.

Apesar de todo cuidado, havia uma certa apreensão... E se o encantamento falhasse?... Não, estava tudo perfeito...nada poderia dar errado. À meia–noite ele estaria em seu “caldeirão” e seria vítima de sua fome. Sim, ela devoraria aquele corpo másculo e tão desejável ... inteirinho... Ele haveria de pagar por tê-la deixado tantas noites como aquela, sozinha. Ah, como é bom ser bruxa, pensou. Tudo pode ser real... basta desejar.

Finalmente chegara o momento. Demorara um pouco, mas no início da madrugada a porta abriu-se e ele entrou. Guiado por mãos invisíveis chegara até ela. Envolvido em abraços e beijos, nem percebeu que já se encontrava dentro do caldeirão que recebera os mais finos temperos e que já aguardava desde horas atrás aquele corpo que ela iria saborear...

Sob fogo muito intenso ela finalmente viu seu sonho ser realizado. Saboreou cada pedacinho daquele corpo delicioso... Sentiu-se também saboreada e ao chegar o mais desejado dos cansaços, dormiu como se fosse uma fada e, pela manhã, maravilhada percebeu que ainda havia sobrado um pouquinho para se deliciar.

Totalmente satisfeita, sem pressa, levantou-se, leve como uma pluma, tomou seu banho de orvalho e relva fresca e saiu...

(não antes de arrumar seu ”caldeirão”. Mas... pensando bem, desta vez resolveu não trocar os "lençóis", o cheiro dele ainda continuava ali e um novo desejo começava a surgir  ...)

....

Qualquer semelhança é mera coincidência ... 

(ou não)... hehehehehehehehe...
...

Não deixem de visitar o Bloggirls
Seu prestígio é muito importante para nós!


13 comentários:

Ana Luiza F. disse...

Hummmm.... esta magia que nos cerca tem destas coisas: desejar com muita força e fazer de tudo pra alcançar (e... tocar!)o objeto do desejo! Como é bom ser bruxa, não comadre? É bom conhecer certas poções, ter - enfim - poderes pra aquecer corretamente o tal "caldeirão" e, ainda dar-se ao luxo de não trocar os lençóis. Amei o conto, mas sobretudo as últimas frases. Lamentei ter aberto o Bar..., nas vésperas do dia das bruxas e, como quis curtir mais um pouquinho o post de re-abertura deixo para depois o texto sobre "nós". Afinal... somos bruxas "every day", não é? Bj enooooorme!!!!

Majoli disse...

Oi querida, senti sua falta lá no Rabiscos, para ver a festa que preparei para o Bar da nossa amada amiga, snifffff

Mas hoje é dia das bruxas, e eu me sinto um pouco bruxa também, e isso é tão gostoso.
Amo seu jeito de escrever, sempre me identifico em muitas palavras.

Beijos enormes no teu ♥ minha adorável bruxa do bem.

Chica disse...

Muito legal esse conto...um lindo dia das bruxas pra ti!beijos,chica

Sonia Pallone disse...

Adorei essa história, cheia de poções e magias...A vida só tem sentido se usarmos desses artifícios, pelo menos de vez em quando, exatamente para que possamos nos sentir vivas. Bjs querida.

Marilu disse...

Querida amiga, linda história, adoro o dia das Bruxas, já fiz minha trança para dar sorte. Tenha uma linda semana. Beijocas

JuJu disse...

Bruxa esperta, hein!
...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

Ana Elizabete disse...

urruuuu!!! Rs
Eu voltei!!
E já cheguei com um conto sobre BRUXAS!! rs
Muito legal, bruxinha!
Bjos =D

J Araújo disse...

Sueli, como é bom vir aqui e poder curtir seus belos posts.

Parabéns menina Sueli seu blog é D+

Bjs

Sandra Botelho disse...

Amei amiga, nem vejo coincidencia...hehehhe.
Love de my life. Saudades imensas.
Bjos te amoooooooooooooooooooo

Ana Luiza F. disse...

Passei só pra dar um beijo!!!

Ana Elizabete disse...

Que nada, só ando sem tempo mesmo.
Minha vida tá uma completa loucura e mal tenho tempo de visitar as pessoas.
Beijos

Maria disse...

Adorei a sua história.
Beijinhos
Maria

claudete disse...

Voltei amiga , estou quase em forma, adorei a ressurreição da bruxa que há em ti, rsrsrsrsrsrs é isto aí. Como sei que posso e você não está nem doida de reclamar, rs, estou carregando as fotos das madrinhas/comadres mais gatas do pedaço... Aguarde o que vem por aí.Te amo e obrigadão pelo carinho e ternura de sempre.