9 de jul de 2010

O Laço



O que quer dizer «cativar»?
- É uma coisa muito esquecida, disse a raposa. Significa ”criar laços...”
- Criar laços?
- Exatamente, disse a raposa. Tu não és para mim senão um garoto inteiramente igual a cem mil outros garotos. E eu não tenho necessidade de ti. E tu não tens também necessidade de mim. Não passo a teus olhos de uma raposa igual a cem mil outras raposas. Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro. Serás para mim único no mundo. E eu serei para ti única no mundo...

(trecho do livro “O Pequeno Príncipe” – Antoine de Saint-Exupéry)


Estou pensando na força de um “laço”, quando ele existe entre duas pessoas. O poder que ele exerce no sentimento de ambos possui força descomunal.

Podemos criar um nó, mas os laços criam-se por si próprios e por essa razão são muito fortes.

Como é difícil desatar um laço!
(Tanto quanto, desatar um nó)

Sueli

16 comentários:

Marilu disse...

Querida amiga Sú, esse laço tem que ser fortalecido cada dia mais, alimentado, cuidado, regado. E nunca mais ser desatado...Beijocas

MENEZES disse...

Linda postagem!

claudete disse...

Querida Su se o Exupèry foi sábio nesta fábula, você foi soberba na aplicabilidade da mesma, muito elucidativa a sua reflexão. Beijos.

p.s. deu cobra mesmo, rs, inofensiva é verdade , rs, acho que a coitada correu com meus gritos....rs, fazer o quê?

ricardo GAROPABA blauth disse...

querida AMIGA

que seja eterno
enquanto dure
os momentos
que hora vives
são teus
unicamente teus
únicos
pois futuro não existe
quando chegar
são novos momentos
unicos
com energia
para levar
alma a flutuar
viver vidas
somar prazeres
acumular felicidades
e alegrias
que um dia
editadas numa
enorme colcha
abrigará
e alegrará
invernos que virão


bjs alegres

Marliborges disse...

S Exupéry, é fantástico, tudo que ele disse em seus livros, é apropriado a vida de todos nós, em diferentes etapas e momentos. Ótimo post. Bjssssssss

Sandra Botelho disse...

Amiga vai lá em meu blog foi insultada lá.
E pelo mesmo cara de dias atrás lembra. Passa lá e veja depois da postagem abaixo o que ele disse dos meus seguidores.
Bjos achocolatados

Geisa Machado disse...

Amiga, fica difícil desatar um laço porque ele se tornou nó. E no nó a gente se funde ao outro despersonalizando-se.
Bjusss

Cadinho RoCo disse...

Os laços merecem o nosso respeito.
Cadinho RoCo

Ana Luiza F. disse...

Amore, certos nós, certos laços, ou qualquer que seja a palavra escolhida, aparecem pra que a gente aprenda. Isso aqui está lindo demais!!! TE AMO DEMAIS!!!!! Obrigada por tudo, nestes 2528 anos!

Marilu disse...

Querida amiga Sueli, que abraço foi aquele, carregado de tanta saudade...como é bom "rever você".Mesmo estando longe de você a esse tempo todo, você foi sempre uma saudade no meu coração. Tenha uma linda semana...Beijocas

Umrae disse...

Engraçado... Eu sempre achei que os laços a gente criava com um certo esforço, e os nós iam aparecendo, aleatoreamente, sem serem convidados e às vezes em momentos e locais não muito convenientes.
Bom, os nós têm sua importância também...
Bjos

Female disse...

Sò desate esse laço amiga, se ele estiver te sufocando, caso contrario.
Aperte-o cada vez mais.
Bjuuusssss

Maria Bonfá disse...

OI AMIGA LINDA DE VIVER.. AMEI ESSE TEU POST.. ESSA FÁBULA É INCRIVEL..QUANTO MAIS A LEMOS MAIS NOS DESCOBRIMOS.. AMEI TE VER ONTEM.. AMO SEU GEITO SINCERO..CARINHOSO.. EXPONTANEO.. VC É O QUE CHAMO DE TUDO DE BOM.. UMA DOÇURA.. AMO VC AMIGA.. BEIJÃO CHEINHO DE CARINHO

JuJu disse...

Ah, mas um laço é muito mais bonito e apreciável do que um nó, não? Hehehe!
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

claudete disse...

O sono não chega....também quem manda dormir à tarde, rs, mas aproveitei meu neto aqui para mexer no vias percorridas, rs, . Bjs e sonhe com o principe , êle está vindo.

Haroldo disse...

Nunca quis me sentir ou fazer com que alguém se sinta um palhaço...
Laços ou nós retém, une e muitas vezes não são criados para serem desfeitos...
Bjs!