4 de jul de 2010

Nunca ...

Imagem: Perto do Horto - João Barcelos

Nunca feches tua janela
Ali, coloco flores todos os dias
Mesmo estando longe...
... posso parar e olhar-te sempre.

Nunca feches tua porta
Ali, ouço a tua música todos os dias
Mesmo estando longe...
... posso parar e ouvir-te sempre.

Nunca feches teu coração
Ali, aconchego-me todos os dias
Mesmo estando longe...
... posso ficar e sentir-te sempre.

Nunca encerres tua poesia
Ali, deslumbro-me todos os dias
Mesmo estando longe...
... posso amar-te e admirar-te sempre.

Sueli Benko


15 comentários:

Marilu disse...

Querida amiga Sú, como é bom ter sempre uma porta aberta, um coração para nos aconchegarmos, e uma poesia, para acalmar nossa alma. Lindo poema...Beijocas

ricardo GAROPABA blauth disse...

ALO AMIGA SUELI


portas e janelas
numa casa
a mantem fresca ou quente
mas a alma
não as quer fechadas
pois então
nada poderá entrar
nem sair

bjs

ricardo GAROPABA blauth

JuJu disse...

Nunca, nunca, nunca! Para o amor sempre existir!
...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

Bill Falcão disse...

Isso mesmo, Su! Mesmo distante, é possível sentir a beleza.
Bjoo!!

Chica disse...

Poesia linda e dá vontade de ler e reler.um beijo,linda semana,chica

claudete disse...

Su...você sempre faz belas poesias mas esta é especial e tocante, muito linda minha amiga, espelha bem o momento que vives, te dá mais criatividade ...Bendita inspiração.Beijos.

J Araújo disse...

Olá Sueli, estive aqui em seu blog. Gostei bastante do seu espaço.

Voltarei outras vezes.

Bjs

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Sempre que saímos de algum lugar ou da vida de alguém, devemos sempre procurar deixar a porta aberta, para quem sabe um dia poder voltar. Beijos.parabéns

euemmim disse...

Oi....que linda poesia....qta sensibilidade vc tem!!!!

Parabéns...pelo blog todo...sem palavras pra expressar....

Fique com DEUS!

bjo!

Zil

Anne Lieri disse...

Sueli,poesia suave com bela mensagem!Adorei!Bjs,

Felina Mulher disse...

A porta ficará sempre entre aberta.Lindo texto Bruxinha.


beijos da FE!

Marilu disse...

Querida Sú, "e por falar em saudade, onde anda você, onde andam seus olhos que a gente não vê". Saudade de você amiga..Beijocas

Haroldo disse...

É muito bom oferecer flores,
pois sempre fica nas mãos de quem oferece,
um pouco do perfume
,
já disse o poeta...

Mas oferecer abrigo no coração é infinito.
Não se fecha portas ao infinito
e não encerrarei jamais aquilo que chamas de poesia
como encerrastes a tua,
quando deletou teus comentários...
Que pena.
Poste-os novamente.
E então saberei que também a tua janela estará aberta,
que tua porta não foi cerrada,
que o teu coração tem lugar para um aconchego
e que em tua poesia deslumbrarei-me todos os dias...
É muito bom oferecer flores!
Bjs!

Meri Pellens disse...

Que lindo! Devemos, sim, estarmos sempre abertos aos outros.
Beijos na alma!

Elaine Barnes disse...

"Longe dos olhos mas perto do coração" Quando os corações estão juntos ,os olhos são apenas coadjuvantes. Lindo de viver amiga! Montão de bjs e abraços de saudades