3 de mai de 2012

Uma gota de orvalho



Com o outono, chegaram fortes ventos varrendo tudo que encontravam pela frente. Tais quais folhas secas que se desprendiam dos galhos pela fúria da ventania, foram meus pensamentos e desejos desprendendo-se de minha mente e de meu coração. Chegou a chuva e, assim como suas águas, lágrimas de saudade rolaram, limparam e purificaram meu coração, varrendo para longe, entre trancos e barrancos, a tua imagem e todas as tuas lembranças. Ao amanhecer, inocentes gotas de orvalho eram as únicas testemunhas que restaram da tempestade noturna.

Nenhuma folha seca ... 
                  Nenhuma saudade...
                                     Apenas a transparência de uma gota de orvalho

...

15 comentários:

Artes e escritas disse...

É restauradora a gota de orvalho ao amanhecer, é purificadora e pacificadora realmente. Um abraço, Yayá.

Marilu disse...

Querida amiga, que bom que as folhas secas, e as recordações que não são tão boas foram varridas pelo vento. Significa que a árvore está livre para que brotem novas folhas. Beijocas

Teresa disse...

Tal como a chuva, as lágrimas limpam o coração das impurezas!
Um grande beijinho.

Paulo Tamburro. disse...

Então SUELI,

é quando uma gota de orvalho se trona tão melhor, mais forte.menos destridora e bem vinda, do que qualquer ventos devastadores das tempestades indevidas.

Fico feliz, por você, alma novamente pronta para o quer der e vier.

E não é isso que todos nós queremos?

Um abração carioca,SUELI.

Paulo Tamburro. disse...

SUELI, desculpe os erros de digitação, pois você não merece isso.kkkkkkkkkkk

TRONA,o que que é isso? TORNA, agora sim.

DESTRIDORA, também é ótimo, mas DESTRUIDORA, fica muito melhor.

Abração!

Sonia Pallone disse...

A sua tempestade desabou em mim e me trouxe uma enxurrada de lembranças. Minhas gotas, nunca mais se "desvestiram" da transparência e hoje, elas funcionam como reflexos molhados de saudades... Beijos amiga linda.

Mary disse...

Como você escreve perfeitamente, não canso de ler e ler, rsrs.
beijos, bom domingo

claudete disse...

É amiga acabei de chegar da viagem , depois te conto, mas amei o teu poema, este renovar constante , esta perseverança na persistência é que dá ânimo para enfrentar as "gotas de orvalho"que ainda vão surgir pelo caminho. Beijão linda!

Sandra Botelho disse...

Oi flor, vim deixar um beijo e te dizer obrigada por ontem...Bjo na alma.

Marilu disse...

Querida amiga,
Mãe
Teus braços sempre se abrem quando teu filho precisa de um abraço.
Teu coração sabe compreender quando teu filho precisa uma amiga.
Teus olhos sensíveis se endurecem quando eles precisam uma lição.
Tua força e teu amor os guiaram pela vida e lhe deram as asas para
que eles pudessem voar.
Feliz Dias das Mães. Beijocas

Mary disse...

Um domingo cheio de amor, paz e coisas boas.
Feliz dia das mães
Beijos
Mary.

Severa Cabral(escritora) disse...

Dia de domingo é dia de visitar os amigos mais queridos e desejar coisas boas ...
Venho derramar sobre ti meu carinho mais doce para deixar seu domingo mais abençoado !!!!!!
bjs de dia de domingo !!!

Sandra Botelho disse...

Vim deixar um beijinho...

Sueli Gallacci disse...

Perfeito o seu texto, Xará! O outono tem disso, deixa as pessoas mais românticas, mais sensíveis, e aí saem coisas lindas como essa...

Mas...

O que o outono me trás são toneladas de folhas secas que entopem minhas calhas e rufos rsrs. Desculpe-me pela falta de romantismo amiga, mas não resisti rsrs.

Bjobjo.

Majoli disse...

Su, que a transparência dessa gota de orvalho, que restou, te mostrem sempre um amanhecer cheio de luz e paz.
Linda tua poesia.
Beijos de saudades.