29 de jan de 2011

Reflexão num momento insone




Às vezes preciso marcar um encontro comigo, pois meus pensamentos me afastam de mim. É quando me esqueço que tenho o poder do controle e permito que eles me carreguem por caminhos que me levam a lugar nenhum.

Meu ego pensa, minha alma sente.

Tem coisas que o ego, transvestido de alma, teima em controlar. E nessas horas, se não tomo cuidado, acabo por segurar coisas que não existem mais, pois o ego é cego, mas obedece fielmente aos conceitos que ele próprio criou. Cabe-me decifrar meus anseios para conhecer sua origem. Cabe-me educar o ego para que deixe de andar em via paralela e se aconchegue ao meu coração.

Ou nunca estarei completamente feliz.

...


25 de jan de 2011

Conclusões ...



Quando uma indiferença fortalece uma certeza,
chegou a hora da certeza tomar uma atitude diferente.

Quando uma distância insiste em se fazer presente,
chegou a hora da presença se fazer distante...


...

14 de jan de 2011

Obrigada, amor.


Às vezes, fazias algumas coisas que nem imaginavas, mas...
às vezes, não fazias algumas coisas... coisas que, também, não imaginavas.
E essas “coisas” (feitas ou não feitas, depende...)
Acrescentavam tanta felicidade na minha felicidade...
... (que já era tanta) ... mas que crescia contigo
e com certas coisas que fazias ou não.

Sei que sentias ciúmes, às vezes,
mas o amor é um só.

Estou tomando um vinho...
... pensando em ti.
Se pudesses estar aqui agora,
eu, em silêncio, saberia como te agradecer,
exatamente da forma como tu gostas.
Mas sei que não podes, então simplesmente te digo:
Obrigada... amor.

...

11 de jan de 2011

Voltando... Pronta para outra

Eu já havia esquecido como é delicioso amanhecer e descobrir que a doença foi embora! Uma gripe, às vezes, tem o poder de judiar muito da gente. Já nem nem lembrava como era ser pega por uma daquelas bem fortes. Credo! Claro que foi resultado de uma temporada hiper atribulada que tive antes do Natal. Stress físico. Meus “soldadinhos” da imunologia resolveram sair de férias na marra e, então fiquei desprotegida. Mas, agora já estou bem.

Talvez, eu não escreva com tanta freqüência aqui, por algum tempo, pois estou muito ocupadinha com o acabamento do meu apartamento que, finalmente ficou pronto. Até montei um blog somente para falar desse assunto, pois outro dia descobri que várias pessoas fazem isso e acabam colaborando muito com quem não tem prática (o meu caso).

Tenho usado meus momentos livres para fazer pesquisas de produtos e de preços, marcação de visitas para orçamentos, etc. Gente, estou me dedicando muito, pois esse Ap é a realização de um grande e antigo sonho meu. Por favor, perdoem-me pela escassez de posts e visitas, por algum tempo (espero que pouco, pois não vejo a hora de me mudar...rs).

Beijocas para todos!
...



“Há uma porta quase pronta para ser aberta.
Quem haverá de entrar por ela? ...
Expectativa? Aflição? Ansiedade?
Não... tudo em paz, é apenas curiosidade...”

 ...

4 de jan de 2011

Estou dodói...



Desculpem-me pela ausência, mas tirei uns dias de descanso no fim do ano e agora estou com uma baita gripe, daquelas bem forte, com febre e tirando a vontade de qualquer coisa ... 
Volto quando estiver bem "saradinha" (rs), tá bom? 
Bejinhus,
Su

...