29 de jan de 2011

Reflexão num momento insone




Às vezes preciso marcar um encontro comigo, pois meus pensamentos me afastam de mim. É quando me esqueço que tenho o poder do controle e permito que eles me carreguem por caminhos que me levam a lugar nenhum.

Meu ego pensa, minha alma sente.

Tem coisas que o ego, transvestido de alma, teima em controlar. E nessas horas, se não tomo cuidado, acabo por segurar coisas que não existem mais, pois o ego é cego, mas obedece fielmente aos conceitos que ele próprio criou. Cabe-me decifrar meus anseios para conhecer sua origem. Cabe-me educar o ego para que deixe de andar em via paralela e se aconchegue ao meu coração.

Ou nunca estarei completamente feliz.

...


12 comentários:

Marilu disse...

Querida amiga, as obrigações diárias nos cegam. Dedicamos o tempo que temos ao que "teoricamente devemos" fazer. Nos vimos parte de uma massa inconsciente, vivendo em prol das convenções e dos arquétipos que nos incutiram através dos tempos. É preciso libertar-se, mas para ter essa consciência é preciso olhar para dentro de nós, viver e perceber que somos sobre tudo seres individuais com necessidades e vontades autonomas. Quando nos desligamos dessa meta nada passa a fazer sentindo, por isso é importante parar e refletir e ser feliz. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

ricardo GAROPABA blauth disse...

alo AMIGA

tenho um texto pronto "GAVETAS DO INCONSCIENTE" (devo postar semana que vem) que fala justamente nisto......não lute...converse com ele...quem sabe se tornam também amigos.......

bjs
ricardoGAROPABA

Daniel Costa disse...

Sueli

O ego pode ser a inconciência do factor consciência.

Beijos

Bill Falcão disse...

Temos que estar atentos conosco, Su, e nem sempre lembramos disso.
Bjoo!!

JuJu disse...

Esse egozinho, hein! Mas creio que você conseguirá domá-lo!
...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

Sandra Botelho disse...

Ai amiga voc~e escreve coisas tão lindas e que me levam sempre a uma reflexão...
Saudades já.
te amo viu?
De coração.
Você é mais que especial pra mim, se quer saber mesmo, é meu espelho, minha idola(essa palavra existe) Bjos amada. Dias de luz, de harmonia e de muita felicidade pra ti.
E para quem que vc ama .

Mgomes - Santa Cruz disse...

Sueli: Nunca podemos perder o controle das coisas do nosso ego ou do nosso coração, porque se perdemos esse controle podemos nos dar mal.
Beijos
Santa Cruz

Pérola disse...

Isso acontece comigo de vez em quando.
Gostei do que vc escreveu,parabéns minha flor.
Voltei,estava com saudades.
Beijokas milll.

Sonia Pallone disse...

Minha querida amiga Sueli, como é bom retornar aos lugares que nos são caros...Encontro de cara, um texto que se identifica muito comigo...As vidas dos poetas são como miragens no deserto, viagens no incerto das ventanias, rios em seus cursos naturais sem barragens...Fique em paz querida.

M. Sueli Gallacci disse...

Oi amiga,

Vc refletiu perfeitamente a alma humana quando escreveu esse texto. Não chamo de "alma" algum tipo de vida independente que está sempre grudado em nós. Chamo de "alma" nossa essência mais íntima onde mora o ego, que às vezes pode ser traiçoeiro.

Lindo texto, bjo enorme.

claudete disse...

É minha amiga ...o Ego sempre quer se sobrepor à razão e é ai que nos perdemos ...somos humanos, falíveis e factíveis...logo...nem sempre estamos no controle de tudo..é tanta coisa ao mesmo tempo...e como você bem coloca a escola de viver e se auto-conhecer é que estabelecerá o discernir e estimulará o que deve prevalecer. Mas, não esqueça tudo é um eterno e fascinante aprendizado ..cheio de idas e voltas.Beijos e saudade!

relax disse...

concordo com o que a Claudete disse, nem sempre temos o controle de tudo...

bjs
Ed