18 de fev de 2014

Voltando ...


A saudade do tempo em que eu me dedicava ao meu blog foi chegando devagar. Percebi que minhas amigas blogueiras, outrora afastadas, devagar estão voltando... (outras, nem chegaram a se afastar). Não sei se foi isso que enviou um ânimo muito grande para mim! Quero voltar, gente, mesmo que seja com menos inspiração que antes.

Tentei encontrar motivos para minha ausência, mas foi em vão.  Talvez, tenha sido o excesso de felicidade que tenho sentido nos últimos tempos. Tenho a impressão de que a tristeza, ou a carência, apesar de serem horríveis, facilitam a nossa inspiração. Mas isso prova que damos mais importância ao sofrimento que à alegria,não é? Uma boa dose de Facebook também acredito que tenha atrapalhado...

Mas, chega! Quero mudar esse foco. Quero escrever, também, quando estou feliz!

“Quando ela veio em minha porta, corri para abrir,
em um tapete vermelho, a convidei para entrar.
Quando quis ir embora, ajoelhei-me e insisti:
Fique por aqui, dona Felicidade,
há um aposento só seu pra se acomodar!
Trouxe um vaso de flores e água de cheiro,
Pra lhe oferecer e lhe perfumar.
Desta vez, não a deixo ir embora.
Meu coração está cheio de amor pra lhe dar.”

(Sueli Benko)

9 comentários:

Sandra Botelho disse...

Amiga a tristeza inspira sim, mas inspira de um jeito melancolico neh? E nós duas romanticas que somos podemos falar daquilo que nos move, o amor a vida, ás pessoas e a nós mesmas. Amei vc ter voltado, até eu voltei...Bjos nesse enorme coração

Majoli disse...

Amiga, verdade que a tristeza inspira muito mais do que a alegria, mas essa tal Dona Felicidade, fazendo moradia em ti, sendo desse jeito tão bem cuidada, com certeza nunca mais irá sair.

E os versos fluíram deliciosamente, amei!

Seja bem vinda!

Beijos cheios de saudades.

Elaine Barnes disse...

Minha inspiração não vem da alegria,nem da tristeza,vem da comida kkkkkkkkkkkkk Adorei te ver em prosa e verso de novo! montão de bjs e abraços inspirados

maria claudete ferreira herculano batista disse...

Tudo é fonte de inspiração querida amiga e como é bom diversificar o que temos de bom para dar e você tem muito. beijao .

Rosemildo Sales Furtado Furtado disse...

Olá Sueli! Passando para te cumprimentar e apreciar esta tua bela criação. A visita da felicidade não é privilégio de todos. Portanto, o feliz visitado deve agrada-la o máximo para que ela não vá embora.

Beijos e muita paz para ti e para os teus.

Furtado.

Sueli Gallacci - artista plástica disse...

Que lindo poema Xará!! Feliz pq vc voltou, é isso, a felicidade tem que ser a fonte maior de inspiração, e não o contrário!

Eu ainda estou afastada da blogosfera, em férias indeterminadas. No meu caso é a falta de entusiasmo mesmo, acho que enjoei... Continuo escrevendo umas linhas, mas não publico. O Facebook nos estimula à preguiça, lá é tudo rapidinho, dinâmico... Mas o que escrevemos perde-se como na correnteza de um rio, sem volta.
E tbm, me aborreci na blogosfera, não sei se quero voltar a escrever 'para o mundo'... Ainda vou decidir.

Um mega beijo e feliz retorno!!! Viva a tua inspiração! Viva a tua felicidade!!!

Ps: Xarazinha, tira aquelas 'letrinhas' de confirmação dos comentários. Isso atrapalha na hora da gente postar. Eu nunca acerto! rsrs + bjos.

Sueli disse...

Oi, Xará, vou seguir seu conselho e tirar as letras. Eu não colocava isso, mas começou a chegar tanto spam nos comentários, que comecei a colocar. Mas, vou tirar, já já. Também não gosto disso. Aliás, eu até havia me esquecido delas... rs. Beijão! (quando voltar, não se esqueça de me avisar...)

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Importante é que vocêe está de volta. Não foi só você que deu uma diminúida no blog, muita gente, até eu, que postava quase todos os dias. E não pare, por favor, pois veja esse poema.. lindo. Por que parar então? beijos.

Clecilene Carvalho disse...

Que alegria!

Desejo que a felicidade lhe faça companhia em todos os teus dias!

Abçs