22 de ago de 2010

Dádiva

“Os ventos que, às vezes, tiram algo que amamos,
são os mesmos que nos trazem algo que aprendemos a amar.
Por isso, não devemos chorar pelo que nos foi tirado
e sim, aprender a amar o que nos foi dado,
pois tudo aquilo que é realmente nosso,
nunca se vai para sempre"

(Bob Marley)
Obrigada, Zil, por me informar o nome do autor.
...


Gosto muito dessa reflexão, principalmente nos momentos de perda, pois nós, seres humanos, costumamos colocar toda nossa energia naquilo que perdemos, como se aquilo que "ainda" temos nada significasse, ou seja, aquilo de bom que ainda temos somente terá valor a hora que perdermos... 

Gostaria muito de conhecer o autor para poder citá-lo, mas não conheço, portanto, se alguém conhecer, ficarei intensamente grata se me informar.

Sueli


...



9 comentários:

Marilu disse...

Querida amiga, o ser humano é acostumado desde muito pequeno a não saber lidar com perdas, sempre nos ensinam que ganhar é primordial.E crescemos com esse raciocínio, queremos sempre amealhar mais. As únicas perdas que são irreversíveis são as de pessoas que amamos, todas as outras são passíveis de recomeçar. Mas temos sim que agradecer todos os dias por tudo que ainda temos..Tenha uma linda semana..Beijocas

Chica disse...

É mesmo linda essa reflexão e nos faz bem!

beijos,linda semana,chica

Elaine Barnes disse...

Essa reflexão é puramente verdadeira. Dar enfoque no que está dando certo e não reclamar só o que não deu. Viver o hoje e o agora é a única realidade. Amei e tb não conheço o autor,mas, com certeza é um sábio. Monte de bjs e abraços

Bandys disse...

Esse pensamento é cheio de realidade. Muirtas vezes só olhamos o que nos faz sofrer e esquecemos das benções trazidas.
Adorei!!

Beijos meus

Sonia Pallone disse...

Mesmo porque, ninguém perde o que não tem não é verdade? Linda reflexão minha querida. Tentei buscar o autor na net, mas não consegui e o pior é que está cheio de bons textos por aí, vagando feito filhos sem pais... Lamentável!! Bjs linda.

euemmim disse...

Oi Sueli....

É muito linda a mgs....e o autor é

Bob Marley

Bjos querida....


Zil

M. Sueli Gallacci disse...

Querida Xará!

Bela reflexão, não sabemos mesmo lidar com perdas, que bom seria se soubéssemos... Não me importo com perdas materiais, entretanto, perder um ente querido é doloroso demais, perdemos o rumo e qualquer reflexão parecerá apenas palavras vazias... O tempo é bom conselheiro e tudo que temos que fazer é suportar até que ele passe e traga novos horizontes. Novos poentes e novos nascentes.

Um bjo enorme.

Majoli disse...

Oi Su, também eu valorizo muito o teor dessa frase.
Eu também li que o autor é o Bob Marley, mas nunca temos certeza.

Beijos no ♥
Saudades.

Rosane Marega disse...

Estou encantada,é tudo lindo por aqui!
Bejossssssssss