26 de set de 2013

Somente não tenho o fim


A carne dói e a saudade machuca.
Hoje minha carne esta doendo, mas não é de prazer,
é de saudade de ti.
É da falta que tu me fazes.
Dói a carne, dói a alma.
Deus não deveria permitir a distância entre os amantes,
pois tudo deveria poder ser loucamente repetido,
a qualquer momento, a qualquer desejar.
Minha vontade é do agora também,

mas precisei partir logo após o café da manhã
e compromissos inadiáveis ausentaram-me de ti.
Não será preciso procurar o jeito.
Já o tenho.
Tenho o começo e o meio, somente não tenho o fim,
porque entre nós ele não existe e não haverá de existir.
Tenho tudo que precisas, mais a vontade e mais o querer.
Em nosso mundo tudo é permitido, todos nossos sonhos são realizados,

mas meu sonho é um só: tu!
E se queres de novo, eu também quero e quando queremos os dois juntos,
não há força neste mundo capaz de impedir.
Já estou voltando e minha porta ficará aberta esta noite...

(11/01/2009)

...